14 outubro 2007

O Lupus tem cura!!


É verdade!
Afinal os meus sonhos mais doidos podem até ser realidade, isto de ter crescido num hospital cheio de termos médicos e doenças estranhas pode ajudar-nos quando nos cruzamos com um médico e lhe pedimos opinião.

Tudo começou aqui há uns dias quando andava perdida nas minhas in(sónias) a navegar pela net descobri um artigo delicioso sobre esta doença.

http://www.drkoop.com/video/93/2517.html

Para os analfabetos de inglês (que felizmente hoje em dia são uma raridade) fica aqui um pequeno resumo:

São retiradas células estaminais do paciente, que são tratadas, com quimioterapia é desfeito o sistema imunitário antigo e são implantadas as novas células estaminais que criam um novo sistema imunitário. Como diz o Dr. americano, fazem um reboot do sistema. A verdade é que o risco é uma coisa brutal e só estão a fazer este procedimento com pessoas que já têm a doença num estado avançadíssimo, como a Sr.ª deste video que já é amputada.

O procedimento é só feito ainda nos Esatdos Unidos, e há quem use este procedimento também para curar outras doenças, como o linfoma. A taxa de sucesso é bastante alta. E por enquanto ainda não houve remissivas da doença nas pessoas que fizeram este tratamento.

"LUPUS FREE"

O mau da coisa, como qualquer reboot, implica instalar tudo de novo. No meu caso, 30 anos a ganhar anticorpos para várias doenças, com esta cura posso morrer de uma simples constipação (era o sonho de muitos, mas temos pena) porque o sistema imunitário fica pior so que o de um bebé, vai ter que aprender tudo de novo. Passar por tudo outra vez, vai ter que aprender a defender o nosso corpo de rigorosamente tudo, além de que, segundo o Dr. Alves de Matos, a nova medula tem um prazo de vida. Mas isso todos nós!! Continuo a achar que valerá a pena arriscar. Por isso, se conhecerem alguém com Lupus, passem a palavra. É importante partilharmos toda a informação possível para nos ajudarmos uns aos outros. Os médicos podem começar por estudar estas possibilidades por cá!

Um grande bem haja a todas estas pessoas que não desistem nas adversidades e continuam a acreditar numa cura possível!

A gente vê-se na EXPO!!

1 comentário:

Pedro disse...

Espero que seja apenas um passo para uma cura mais simples e com menor grau de perigo.

Vamos espalhar a noticia aos QUATRO CANTOS DO MUNDO, com fé que esta e outras doenças alcancem a cura tão desejada por todos os que as sofrem, bem como pelos seus familiares e amigos.